Ecografia Morfológica de 1º Trimestre

A cada dia, estou mais ansiosa para começar a preparar a casa para receber Beatriz. Enquanto ainda não encontro tempo, vou cuidando para que ela chegue com saúde. Fiz hoje a Ecografia Moforlógica de Primeiro Trimestre. Este exame equivale ao de translucência nucal, que já havia falado antes, mas que na verdade é só uma das características do feto a serem avaliadas.  Segundo o doutor, está tudo dentro dos conformes. Claro, de acordo com a porcentagem de estimativa. Mas vê-la novamente, naquela telinha preto e branco foi super gratificante. Desta vez o pai esteve presente, tenho certeza que, assim como eu, se emocionou ao ouvir os batimentos da pequena, ver ser corpinho, sua agitação. Linda!

Desta vez, foi ainda mais real a ideia de ser mãe e estar carregando um pequeno ser dentro de mim. Quando ela se mexia, tentando se ajeitar dentro daquele pequeno espaço, era como se eu a visse já do lado de fora, fazendo graça. Tive aquela vontadezinha de pegar no colo. Mas né?! Não tem como.

Aproveitei o embalo e fiz o ultrassom das vias urinárias, e está tudo ok. Mudei meus hábitos, estou ingerindo muita água. Não corro o risco de arrumar pedras nos rins, ao menos durante a gravidez. Tudo pela pequena Bia.

O diagnóstico geral da ecografia morfológia de 1º Trimestre:

Observações gerais:
Ecografia Morfológica do 1º Trimestre, realizada entre a 10ª e 14ª semana de gestação, tem taxa de detecção de má formações e cromossomopatias em torno de 80%.

Hipótese diagnóstica:
Exame ecográfico compatível com:

  • Gestação única, tópica, de 12 semanas e 6 dias (+/- 5 dias);
  • Avaliação morfológica do 1º não mostrou anormalidades.
    Feto - Ecografia Morfológica de Primeiro Trimestre

Feto - Ecografia Morfológica de Primeiro Trimestre

Fim da curiosidade: o sexo do bebê

Como comentei antes, semana passada, fiz um exame chamado sexagem fetal. É um teste que consiste na análise do sangue materno a partir da 8ª semana de gestação, levando em consideração os cromossomos presentes na amostra. Como sabem, os cromossomos femininos são XX e os masculinos XY. Logo, se o sangue do bebê se mistura com o da mãe, se ele for menino, esta análise apresentará XY. Se não apresentar mudança, ou seja, XX, por exclusão deduzimos que é menina.

Foi exatamente o que ocorreu na minha análise: XX. Estamos esperando uma menina, a qual, muito provavelmente, chamaremos de Beatriz.

=]

Não poderia dormir sem compartilhar esta.

3ª consulta do pré-natal, 12 semanas de gestação, dúvidas e novidades

Sexta-feira (16), fui ao médico, a 3ª consulta do pré-natal. Levei o resultado da primeira ecografia e sim, gente, está tudo bem com a pequena ou pequeno a caminho. Só voltarei lá daqui a um mês. Até agora, desde o começo da gravidez, só engordei um quilo. Entre a segunda e terceira consulta, não aumentei um grama sequer. Viva la vita! Dizem que é bom, porque nos últimos meses a gente ganha muitos quilos. Desde que o bebê esteja bem, eu não me importo.

Aproveitei para tirar algumas muitas dúvidas, que talvez sejam as mesmas de algumas outras mamães por aí.

  • Até quando e por que devo tomar ácido fólico? Recomenda-se a ingestão de ácido fólico para evitar a má formação fetal que pode ocorrer nos primeiros meses da gestação. A partir da descoberta da gravidez, deve-se ingerir a vitamina até o fim da décima segunda semana ( se ainda sobrarem comprimidos na cartela, não tem problema tomar até acabar, mesmo passadas as 12 semanas).
  • Sexo na gravidez, pode? Pode e não há mal algum. A não ser em casos especiais, quando há algum risco para a gestação. Claro que com o crescimento da barriga, as posições vão ficando limitadas. Há uma pesquisa que diz – mas não é definitiva – que lá pelo sexto mês, as relações sexuais podem ser causadoras de infecções pélvicas. Mas, segundo o doutor, é tudo ainda muito prematuro, não há confirmações.
  • Atividades físicas – daqui a 15 dias poderei iniciar algum tipo de atividade física. O médico me recomendou duas: pilates para fortalecer a musculatura lombar, ajudando a suportar o peso da barriga, e pélvica, o que ajuda na hora do parto. A outra é hidroginástica. Ambas voltadas para gestantes.
  • H1N1 – o ideal é que eu já tivesse tomado a vacina anteriormente, por ora, não preciso ingerir nenhum tipo de medicamento. Só aguardar a nova leva, que deve ser liberada pelo Ministério da Saúde em maio.

Sobre a alimentação, continuo seguindo as recomendações da segunda consulta. Evitar alimentos ácidos, que causam gases e azia, e alimentos cultivados em contato direto com a terra, como alface, cenoura etc. O ideal é que sejam hidropônicos. Isso porque é muito arriscado adquirir toxoplasmose durante a gravidez, e como os gatos enterram seus dejetos na terra, principal hospedeiro da doença, os alimentos podem estar contaminados.

Há mais duas ecografias para fazer. Na verdade, três. A primeira é a ecografia do aparelho urinário para verificar uma suspeita do médico de que eu possa estar com princípio de pedra nos rins. As outras duas, aproveitei para buscar mais informações em outro blog, o demaeparamae.pt.

Translucência nucal: Este exame é feito entre as 10 e as 13 semanas, e serve para predizer o risco do bebé sofrer de síndroma de Down. Este exame mede a quantidade de fluido acumulada na parte de trás da nuca do bebê, ou seja a espessura da prega da nuca, que, se estiver aumentada, pode indicar uma eventual síndroma de Down. O médico usará a medida feita pelo scan, a sua idade e um teste sanguíneo para medir o risco desta possibilidade. Se o risco for mais elevado que 1 em 300, poderá ter de fazer uma biopsia do vilo corial (as células são extraídas da placenta com uma agulha ultrafina) ou uma amniocentese (o fluido é extraído do saco amniótico à volta do bebé).

Ultrassom morfológico: Esta ecografia é feita à maioria das grávidas cerca das 19-20 semanas de gravidez para detetar possíveis anomalias no bebê. São medidas a circunferência da cabeça e do abdómen do bebê e o seu coração, cérebro, coluna vertebral e membros. Nesta altura também já poderá descobrir o sexo do bebê.

Agora, talvez vocês queiram saber para quando está previsto o nascimento do bebê de acordo com as contas do médico: 30 de setembro. Uhuuu! E como estou ansiosa, acabei gastando uma baba num exame de sexagem fetal no sabin. O resultado sai no final desta semana, daí saberemos se é menino ou menina.

Artista plástico Pedro Henrique Moutinho em Brasília

Dica da Simone: Conhecido em São Paulo por seus desenhos de mulheres grávidas, o autor do site Retrato da Espera estará na capital de 22 a 26 de março para desenhar as gestantes brasilienses

 Atenção grávidas de Brasília: o artista plástico paulista Pedro Henrique Moutinho virá a capital no dia 22 de março para desenhar as gestantes da cidade interessadas em guardar uma lembrança exclusiva desse momento. Conquistando as gestantes de São Paulo pelo seu trabalho artístico voltado para a gravidez, ele vem a Brasília pela primeira vez para atender a demanda do público da cidade.

As sessões de desenhos duram cerca de uma hora e podem ser agendadas entre os dias 22 a 26 de março, pelo telefone (61) 9219 8985 ou pelo emailphmoutinho@uol.com.br. A gestante fica em 3 poses diferentes, cômodas e pensadas em conjunto, que duram, no máximo, 5 minutos. O artista faz apenas os rascunhos na sessão e depois tudo é tratado e entregue por email à cliente para que ela escolha o seu desenho favorito para virar quadro, bem como os acabamentos e cores de sua preferência. O trabalho final é entregue em até 5 dias úteis.

Quem já posou para o artista, como a futura mamãe Daniela Marin, grávida de 7 meses, acredita que a experiência de ser registrada de forma exclusiva e artística é inesquecível. ““Não é uma experiência mecânica, é um momento de penetração da imagem, criada por um artista com propriedade de atenção, o que me deixa extremamente à vontade para revelar íntimas expressões, como dar risada de mim mesma ao observar a mudança da plasticidade da pele e me encontrar em duas”, define Daniela.

Quem quiser conhecer melhor o trabalho e a história do artista pode entrar no sitewww.retratodaespera.com

Sobre o artista
Há 10 anos dedicando-se exclusivamente às Artes Plásticas e Cênicas, Pedro Henrique especializou-se no estudo das formas femininas. Depois de mais de 100 desenhos em nanquim, aquarela, grafite, carvão e lápis conté, o artista descobriu nas gestantes um olhar nem sempre captado nas fotografias. É um olhar mais poético e lúdico, a captação de um momento entre o real e o ideal.

Além de mais sensíveis, os desenhos também garantem às grávidas um registro exclusivo da nova fase, colocando a gestação em um patamar de obra de arte. “O desenho, a pintura, o registro artístico de forma geral tem, a meu ver, a chance de captar a particularidade de cada gestação. Minha ideia é tentar retratar não só a imagem da futura mãe, mas também alcançar a subjetividade e as sensações dela. O que é muito intenso nesse que é um dos momentos mais sublimes da experiência feminina”, explica o artista plástico.

Serviço:
O RETRATO DA ESPERA: a gestação desenhada pelo artista plástico Pedro Henrique Moutinho

Sessões em Brasília: De 22 a 26 de março
Telefone para agendamento: (61) 9219 8985
E-mail: phmoutinho@uol.com.br
Informações: www.retratodaespera.com

Brechó de roupinhas de bebê

Sinceramente, nem fazia ideia de que isso existia, mas faz todo sentido. A dica foi da Francisca. Afinal, tem coisa mais cara e com menos tempo de utilidade do que roupinha e artigos para o bebê? Quando os pequenos deixam de usar, tudo ainda está tão novinho. Eles crescem muito rápido – ao menos é o que eu vejo por aí. Como ainda não sei nem o sexo do bebê, não saí as compras. Mas, para quem já está nesta fase, talvez valha a pena dar uma vasculhada na sua cidade.

A Francisca, mãe do pequeno Yago, sugeriu dois brechós em Brasília. Um é o “Bis brechó infantil“, localizado na 315 sul, que funciona no modelo consignação. Pelas fotos do site é tudo uma gracinha.

Já o “Era meu, agora é seu” além do modelo de consignação para quem pretende vender, tem um esquema bem interessante de locação de carrinhos de passeio, andador, cadeirinha para veículo, booster, bebê conforto e um tanto de outras coisas. Se quiser conferir, fica na 112 norte.

Tudo parece tão novinho que acredito mesmo que possa ser uma boa saída econômica e ecológica. Vamos combinar!!!

Atualizando:

Recebi mais duas dicas de como economizar nas compras para o filhote. Uma foi da Nika e outra da Francisca. Muito obrigada, meninas!

  • Existe uma lojinha de ponta de estoque na 215/216 norte, a Francisca não me disse o nome, mas lá ela comprou roupinhas originais da Sanrio por apenas R$10. Dá para crer?!

Se alguém mais tiver dicas, por favor, compartilha!

Da gestação ao nascimento em 90 segundos

Um casal norte-americano utilizou a técnica stop-motion para registrar todo período da gestação ao nascimento da sua primeira filha, Amelie Amaya. Uma ideia simples e super criativa, que pretendo imitar. Eles contam desde a descoberta da gravidez, a mudança de casa, o crescimento da barriga e o nascimento da pequena. Lindo mesmo. Apreciem. Dica da tia Ilana.