Iniciando o pré-natal

Com certeza, principalmente para as mamães de primeira viagem, a melhor coisa após descobrir que se está grávida é de pronto buscar orientação de um profissional para saber cada passo a ser seguido. Desde este momento começa o pré-natal. Algo mais que essencial para uma gestação saudável. A rede pública de saúde tem um excelente serviço pré-natal, dizem até que é melhor que o particular, mas por conveniência do horário optei pela rede privada.

Quando procurei o médico, um ginecologista obstetra, ainda não tinha muita certeza de que estava grávida. Cheguei dizendo “doutor, me ajuda a interpretar o resultado desse exame. A meu ver, estou grávida”. Ele riu, me deu um abraço e os parabéns! “Sim, querida, você vai ser mãe”. Ele me fez uma série de perguntas, como histórico de doenças na família, vacinação, enfim. Viu o meu peso, apalpou o que poderia ser bebê e verificou se os meu mamilos precisariam ser “trabalhados” para a amamentação. Ainda bem que não! Não consigo nem imaginar como seria isso.

O Dr. indicou o Meclin para enjoo e me orientou a tomar “Ácido Fólico”, uma vitamina que ajuda a prevenir a mal formação do feto. Ele também me passou uma série de exames, que ufa! dá preguiça até de ler a lista. Mas aqui vai:

Os primeiros exames:

– Hemograma Completo (Fator RH e o tipo sanguíneo para análise de probabilidade de compatibilidade de sangue da mãe para o bebê);
– Glicemia de jejum para avaliar possibilidade de diabetes ou mesmo diabetes gestacional;
– HIV1 e HIV2;
– Se a mãe possui anticorpos para rubéola, hepatite B, citomegalovírus, toxoplasmose e sífilis,para indicar vacinas para as que possibilitam ou medidas para evitá-las;
– Exames de urina e de fezes que detectam infecções urinárias e parasitoses;
– Ecografia transvaginal.

Fora a ecografia, todos os outros consegui fazer antes da segunda consulta e estava tudo certinho. Exceto pelo de urina que apresentou grande quantidade oxalato de cálcio responsável pela formação de pedras nos rins. Provavelmente porque estava consumindo pouca água. Tenho que melhorar muito neste quesito, é muito arriscado ter problemas renais durante a gestação. Aí ele me passou mais um exame, a ecografia de vias urinárias. Ainda falta marcar!

Anúncios

Sobre Jéssica Macêdo

Mãe da Beatriz e do Artur. Doula, gateira, jornalista viciada em redes sociais, especialista em brigadeiro de panela. Torce para o Flamengo e tritura pipoca nas horas vagas. Saiba mais no Twitter @jemmacedo e veja mais no Instagram @mesintogravida

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s